domingo, 11 de novembro de 2018

HOMENS NUS, NAKED MEN


COMO COLOCAR UMA CAMISINHA


MODELOS NUS, NAKED MALE MODELS,


MAIS UM MODELO QUE MERECE ESTAR NA PÁGINA PRINCIPAL DO BLOG
"VLAD GALDIN"












MODELOS NUS, NAKED MALE MODELS,

PHILIPPE BÉLANGER POSA PARA AS LENTES DE DAVID VANCE

Este blog tem uma seção destinada aos modelos gostosos. Tudo bem que ela não tem sido muito alimentada ultimamente mas hoje é o dia de você que acompanha o blog se deliciar com esses gostosos. O primeiro modelo aparece nu aqui neste post mas tem muito mais gostosos na parte chamada "MODELOS GOSTOSOS" é só clicar no ícone na cabeça da página pra visualizar as imagens.







sábado, 10 de novembro de 2018

BIG BROTHER PELADÕES, NAKED REALITY SHOW,



PELADÕES DO BIG BROTHER INGLÊS




HOMENS DE SHORTS E CALÇÕES

No ano de 2015, a foto abaixo parou a internet: mostra um acadêmico do curso de educação física bem excitado. Que pacotão! Além de lindo é pirocudo. O nome dele é Johnny Nunes de Queiroz, tem 26 anos, é do signo de Escorpião e tem mais de 60 mil seguidores no instagram (@johnnynunesdequeiroz). Mora em São Paulo e estudou na Universidade Nove de Julho (Uninove). Meses depois vazou nudes dele, com o pau bem duro. Uma delícia! Tipo de macho que dava a noite toda! 



A foto me fez lembrar os maravilhosos shorts transparentes...






CURTA GAY, CURTA METRAGENS,


O CURTA GAY "HOME FROM THE GYM"




ATORES PORTUGUESES PELADOS, NAKED PORTUGUESE ACTORS,


O ATOR PORTUGUÊS GONÇALO WADDINGTON FICA NU NO REALITY SHOW
"O ÚLTIMO A SAIR"

Gonçalo Waddington é um actor, teatro e realizador de cinema português, dramaturgo e roteirista. Nasceu em Lisboa em 1977 e estudou teatro e performance na Escola de Teatro na cidade costeira de Cascais de 1994 a 1997. 

Ainda na escola, estreou na televisão em 1996, em Polícias, programa de televisão sobre uma delegacia de polícia. Sua estréia no cinema aconteceu em 2006, com Alice de Marco Martins, tendo também participado de um filme de Martins de 2016, Saint George. 

O curta-metragem de Waddington Nameless, que estreou na edição de 2010 do Festival Internacional de Cinema Las Palmas de Gran Canaria. Imaculada, estreou na edição de 2013 do festival de cinema IndieLisboa. 

Albertine, The Celestial Continent, uma peça baseada em In Search of Lost Time, de Marcel Proust, foi sua estréia como dramaturgo, que ele também dirigiu e estrelou, ao lado de sua companheira de longa data, Carla Maciel. Também atuou na Odisseia, o programa cómico de 2013 que Gonçalo criou, co-escreveu e co-estrelou. Juntamente com Carla Maciel, co-criou a peça MacBain, a partir de um texto escrito especificamente para os dois atores do dramaturgo holandês Gerardjan Rijnders. 

Estreou em outubro de 2013 no Teatro Maria Matos, em Lisboa. Em 2016, ele escreveu e dirigiu a primeira parte de uma tetralogia chamada Our Favorite Sport, legendada Present, que estreou nos festivais de Alkantara e FITEI e foi publicada como um livro no mesmo ano. A segunda parte, legendada como Distant Future, estreou em 2017 no Teatro Municipal São Luiz, em Lisboa. 

Ele esteve em filmes como Blood Curse and Noise, de Frederico Serra e Tiago Guedes, que dirigiu e coescreveu Odisseia, e também o dirigiu na produção de 2016 de O Pato Selvagem, de Henrik Ibsen, no Teatro Nacional D. Maria II, bem como o curta-metragem de 2014, Chorus, de uma peça de Tiago Rodrigues, e a minissérie de TV Noite Sangrenta. Gonçalo também dirigiu e estrelou uma produção de Rosmersholm, de Ibsen, no Centro Cultural de Belém, primeiro em fevereiro de 2011 e depois em uma turnê nacional. Ybone Kane de Margarida Cardoso, Misbegotten de João Canijo, The Portuguese Falcon de João Leitão, April Showers de Ivo M. Ferreira ou The Lines of Wellington de Valeria Sarmiento foram alguns dos outros filmes que o apresentaram como intérprete também. Em 2018, ele fará sua estréia como diretor de longas metragens com Patrick, ao lado da produtora O Som e a Fúria. O filme é esperado para estrear em 2019.







NAKED ENGLISH ACTORS, ATORES INGLESES NUS,


BENEDICT CUMBERBATCH NU NA SÉRIE "TO THE ENDS OF THE EARTH"



Benedict Cumberbatch é um dos embaixadores do The Prince's Trust, uma instituição de caridade criada pelo príncipe Carlos que tem como objetivo auxiliar os jovens com dificuldades no Reino Unido. Ele apoia, ainda, a Dramatic Need, uma instituição de caridade que promove a expressão criativa como ferramenta para a resolução de conflitos, desenvolvimento social, emancipação do sexo e de assimilação de mensagens de saúde para as comunidades mais desfavorecidas.

Benedict tem criticado bastante a resposta do governo britânico à crise migratória que se vive atualmente na Europa e fez vários discursos sobre o assunto no final das apresentações da peça, Hamlet, entre julho e agosto de 2015. Nestes discursos, o ator incentivou o público a fazer donativos a instituições que auxiliassem os refugiados, chegou mesmo a afirmar que os políticos podiam "ir à merda" e disse: "Um pai não coloca o seu filho num barco a menos que o mar seja mais seguro do que a terra".O próprio ator doou 150 000 libras à instituição Save the Children para auxiliar os refugiados e juntou-se a um grupo de celebridades que se comprometeu a acolher crianças refugiadas no Reino Unido para as ajudar a encontrar as suas famílias.

O ator considera-se feminista e no Dia Internacional da Mulher em 2014 foi revelado como um dos assinantes de uma carta da Amnistia Internacional, dirigida ao Primeiro-Ministro David Cameron, onde se defendiam os direitos das mulheres no Afeganistão. É também um apoiante da comunidade LGBT e já contribuiu de várias formas na defesa dos seus direitos: em 2013 oficializou a união civil de um casal de amigos homossexuais e foi um dos signatários de uma carta aberta publicada no jornal The Guardian que exigia o perdão de todos os homossexuais acusados de crimes de "indecência" (entre eles Alan Turing, cuja história ajudou a contar no filme The Imitation Game). Numa entrevista enquanto promovia The Imitation Game, Benedict admitiu que teve experiências homossexuais enquanto estudava em escolas privadas exclusivamente masculinas. O seu testemunho foi elogiado pelo grupo de defesa dos direitos dos homossexuais Stonewall que divulgou um comunicado de empresa que dizia: "Ver uma figura pública, principalmente alguém tão influente como o Benedict, a falar sobre assuntos homossexuais de forma positiva é algo poderoso para jovens lésbicas, gays e bisexuais. Por vezes é difícil para quem está a crescer encontrar um modelo a seguir que demonstre que ser gay ou hetero é igualmente positivo".

Benedict também já apoiou instituições que lutam contra o cancro como a Stand Up to Cancer e a Cancer Research UK.